Agências da Celesc de Brusque, Guabiruba e Botuverá estão fechadas por causa de greve

Trabalhadores querem reajuste salarial e manutenção de direitos adquiridos

greve celesc (Copy)
Greve teve adesão de 100% em Brusque e região ontem, segundo Sintevi -
Crédito: Marcos Borges

A greve dos trabalhadores da Celesc se iniciou na segunda-feira, 26, às 6h, em várias cidades do estado, dentre as quais Brusque, Guabiruba e Botuverá. Nos três municípios da região, segundo o Sindicato dos Trabalhadores Eletricitários do Vale do Itajaí (Sintevi), a adesão foi de 100% e as agências permaneceram fechadas.

A categoria reivindica reajuste salarial de 10%, considerando que a inflação do período foi de mais de 9%. De acordo com o movimento sindicalista,  a Celesc não ofereceu qualquer reajuste salarial.

Segundo Lucio da Silva, um dos diretores do Sintevi, não houve evolução nas negociações com a companhia de eletricidade, por isso os trabalhadores resolveram entrar em greve por tempo indeterminado.

“Estamos reivindicando o que todo o trabalhador quer: a reposição”. Além disso, a categoria também cobra a manutenção de direitos adquiridos. “Estamos negociando há alguns dias e a empresa não se dispôs a colocar índices aceitáveis”, completa o diretor do Sintevi.

Além do reajuste salarial, os sindicatos não querem a perda de direitos para os trabalhadores que forem admitidos daqui em diante. Além do Sintevi, outros cinco sindicatos regionais catarinenses aderiram ao movimento.

Não há números oficiais e precisos sobre a adesão à greve. “O movimento estadual, tem uma adesão muito positiva e muito grande”, diz o sindicalista.

Como a greve não tem data para terminar, o sindicato afirma que está aberto para as negociações com a Celesc. De acordo com um dos sindicatos que aderiram à paralisação, foi solicitada a mediação do Ministério do Trabalho, para que seja feito o dissídio, a fim de garantir pelo menos a reposição aos empregados.

Celesc

“Em razão das negociações do Acordo Coletivo de Trabalho 2016-2017, os sindicatos que representam os empregados da Celesc decidiram pela paralisação de atividades a partir desta segunda-feira, 26, até que a negociação com a Empresa chegue a um consenso.Devido à paralisação, o número de empregados é menor e, por este motivo, o atendimento prestado ao público nas lojas de atendimento estará temporariamente prejudicado”, afirma em comunicado a Celesc.

Enquanto isso, a empresa informa que os consumidores que necessitarem de atendimento devem ligar no atendimento ao cliente e ou usar a agência web.

Alternativas à greve
Telefone: 0800 480 120
Internet: celesc.com.br

2 Comentários

  1. Avatar
    Luka setembro 26, 2016

    Por acaso, a greve dos bancários iniciou-se logo após o impeachment de Dilma Rousseff, só por acaso! Fruto das coincidências da vida?…e outra greve se deflagra (Vocês terão que me engolir – ainda ecoam as palavras do discurso de ADEUS de DILMA.

    Querendo ou não, greve de banco ou da central elétrica é um serviço de utilidade pública (não importa se seja celetista ou outra forma de legislação estatutária que regem esses funcionários) , aliás tal qualificação serve também para a segurança pública e a saúde (utilidade pública);

    No caso dos bancos parece que desabilitaram algumas funções da máquina eletrônica: hoje por acaso, não consegui sacar, depositar ou transferir. Mas toda máquina erra, espero! Mesmo que programada por algoritmos humanos, ERRA!

    É complicado, mas o cidadão, eu no caso, precisei pagar minhas contas, que venciam hoje. Sorte que não fora de grande monta (ainda não sou rico, ainda) então consegui pagar na loja mesmo, o que dantes eu poderia fazer em um caixa eletrônico. Andei 5 km, após a academia. Saúde, sim! Mas, nesse tempo dispensado no trânsito caótico de Brusque/SC, eu poderia estar estudando para meus concursos ou mesmo enviando curriculum pelo mundo afora (vai que a sorte olha para esse pobre cidadão?);

    Um dos maiores bancos do país, Caixa Econômica Federal parece que está levando não o Brasil nas costas, mas sim a vingança de uma IMPICHADA, devidamente julgada, que prometeu parar o país.

    Sabe quantas CARTEIRAS DE CORRENTISTAS que dependem desse banco, para pagar suas contas em dia e receber seus salário, para se manterem vivos? Milhões…de pessoas físicas, além de tudo.)

    E agora, outro serviço de utilidade pública paralisa, a CELESC!

    Alguém acende a luz, no fim desse minhocão urbano ou vamos voltar a usar o famoso lampião com querosene!

    Amanhã tenho que pagar meu plano de saúde: já pensou se fico doente e no escuro, sem médico, ou com um médico CUBANO? ainda estou no nível intermediário do inglês? Outra noite sem dormir, meuh!
    #Morri

    Senhores grevistas acordem:
    #tchau querida é uma realidade e aqui não é VENEZUELA!
    Peças se substituem em um jogo, e por justa causa, sabiam?
    XEQUE MATE, a partida terminou!

  2. Avatar
    El Pachorra setembro 26, 2016

    Tudo caminha para uma VENEZUELA aos moldes do VAI FALTAR TUDO!
    O ultimo a sair. …Não adianta, pode deixar a porta aberta mesmo!
    #SOS BRASIL

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *