Aluna do Senai Brusque é segunda colocada em concurso de Moda Inclusiva

Jéssica Medeiros, 16 anos, dividiu o pódio do 4º Prêmio Brasil Sul de Moda Inclusiva com estilistas e estudantes de cursos de graduação

foto_4
-
Crédito: Divulgação

Mesmo tendo apenas 16 anos e estar competindo com estilistas formados ou alunos de cursos superiores, a estudante Jéssica Medeiros, da Aprendizagem em Desenho de Produto de Moda do Senai em Brusque, obteve a segunda colocação no 4º Prêmio Brasil Sul de Moda Inclusiva.

O desfile de encerramento ocorreu na sexta-feira, 25. Promovido pelo Instituto Social Nação Brasil, o evento tem o objetivo de estimular o debate sobre moda diferenciada e incentivar a criação de soluções em vestuário para pessoas com deficiência. No Senai, além das competências técnicas requeridas em cada profissão, os estudantes são incentivados a desenvolver competências socioemocionais, que incluem aspectos como responsabilidade social e inclusão.

Para pessoas cegas ou com baixa visão, Jéssica levou ao desfile roupas com bolsos afixados em locais estratégicos e que auxiliam a guarda de pertences importantes, como dinheiro, celular, remédios, lenços e alimentos. Os bolsos ficam camuflados no jogo de listras feitas, ajudando a evitar roubos. Outras criações da estudante são as roupas especiais para pessoas paraplégicas ou amputadas, com aberturas que facilitam o ato de vestir. Nas criações, ela uniu a praticidade ao conceito de “upciclyng”, (reaproveitamento de material). “Aliar a questão social à sustentabilidade gera os valores necessários para um futuro mais humano e fraterno”, disse a jovem aprendiz, que estuda no Senai há três anos.

Sem Comentários

Sem Comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar esta notícia.

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *