Após temporal, calor da trégua nesta sexta-feira em Brusque

Valores máximos não chegaram aos 30ºC

20170106_115124

Depois de vários dias com sol e forte calor presente em Brusque, o cenário mudou nesta sexta-feira,06. As temperaturas que vinham ficando acima dos 34/35ºC, hoje sequer chegaram aos 30ºC, dando assim, um pouco de alívio aos Brusquenses que tanto tem sofrido com o intenso abafamento.

08-01-2016 (1)

O dia seguiu com a presença de muitas nuvens pelos céus de nossa região, poucas aberturas foram observadas sendo que até uma chuva passageira de fraca intensidade ocorreu durante a tarde, mas que nem de longe lembrou a situação caótica de ontem em nosso município, quando praticamente todos os Bairros sofreram com alagamentos e até deslizamentos de terra em alguns locais.

02-01-2016 (3)

Segundo Ronaldo Coutinho, do Climaterra, o final de semana deverá ter variação de nuvens no Vale do Itajaí, mas sem previsão de calor intenso e as chances de novos temporais são baixas, segundo Coutinho. O calor mais acentuado deverá retornar ao estado no início da próxima semana.

Trago a seguir, os dados de temperaturas extremas registrado por minhas estações nesta sexta-feira em Brusque, estando fixadas nos referidos locais por mim descrito em anexo logo abaixo:

  • 23,2ºC com 29,7ºC/Bairro Centro
  • 22,7ºC com 29,6ºC/Bairro Rio Branco
  • 21,9ºC com 28,8ºC/Bairro Santa Luzia

Volume de chuva em Brusque sendo divulgado de forma incorreta

Assim que as fortes chuvas cessaram no entardecer de ontem,05, em Brusque, o que não faltou foram comentários de pessoas falando sobre os volumes finais de precipitação decorrentes deste evento climático extremo. Acontece que alguns veículos de comunicação divulgaram valores incorretos para a população, como por exemplo, o de 93 milímetros ”EM UMA HORA” no Bairro Guarani. Isto não está correto. No Site da Defesa Civil de Brusque, de fato, os 93 milímetros estavam lá inseridos, porém, resultado do período de ”24 HORAS”, e não deste curto espaço de tempo como foi veiculado por alguns profissionais da imprensa. Havia dados de chuva da madrugada anterior e dia anterior, cerca de 30 milímetros aproximadamente e sendo assim, o total acumulado somente do período da enxurrada ficou entre 60 a 65 milímetros naquele local de aferição divulgado, Bairro Guarani.

Para se ter uma melhor ideia dos fatos, nenhuma de minhas três estações, que estão fixadas nos Bairros Centro, Rio Branco e Santa Luzia, registraram valores superiores a 71 milímetros neste período em questão. E a notícia como inicialmente foi divulgada de forma precipitada com estes números ao meu ver incorretos, se espalhou até a mídia nacional. ”E segue a vida”!

 

Sem Comentários

Sem Comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar esta notícia.

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *