Cerco de Jericó segue até sábado, 1, na paróquia São Luis Gonzaga

Corrente de orações reúne centenas de fieis em devoção ao Santíssimo Sacramento

cerco de jericó (Copy)
Missa de encerramento ocorre sábado, às 19h -
Crédito: Arquivo Município

A paróquia São Luis Gonzaga, no Centro, realiza até neste sábado, 1, a segunda edição do Cerco de Jericó. A corrente de orações iniciou no sábado, 24, e desde então, a igreja está de portas abertas, 24 horas por dia, para receber os fiéis.

Um dos coordenadores do Cerco, Márcio José Zimmermann, afirma que a participação da comunidade tem sido muito grande, principalmente nas celebrações que são realizadas diariamente às 6h e às 19h. “A participação é muito boa. O pessoal tem frequentado tanto os momentos de oração, quanto as celebrações”, diz.

Grupos formados pelas comunidades, pelos movimentos e pastorais da paróquia se revezam diariamente nos momentos de orações para não deixarem a igreja vazia nem por um minuto. “São 21 horários de orações e os grupos vão se revezando. Cada grupo tem o seu horário. Tem alguns grupos mais numerosos e outros menores, mas todos com a mesma fé”.

Zimmermann diz que o Cerco de Jericó representa a devoção ao Santíssimo Sacramento e deve virar tradição no município, assim como já é em Guabiruba, por exemplo. “O principal objetivo é reunir a comunidade paroquial para demonstrar sua fé ao Santíssimo. É um momento muito importante de fé e de entrega”.

Além da renovação da fé, o Cerco de Jericó da paróquia São Luis Gonzaga também tem um caráter beneficente. Durante todos os dias, integrantes da paróquia se revezam na venda de cachorro-quente para os fiéis. Todo o valor arrecadado será destinado para a construção da capela São Francisco de Assis, no bairro Cerâmica Reis. A venda do cachorro-quente ocorre todos os dias das 18h às 22h.


Programação

Sexta-feira, 30
Tema: Família – Sinal do amor de Deus entre nós
6h - Missa
19h - Missa
(Pe. Magnos Caneppele)

Sábado, 1º de outubro
Tema: Aproximemo-nos do trono da graça, a fim de alcançar misericórdia
6h - Missa
19h - Missa de encerramento do Cerco (Pe. Silvano da Costa)

2 Comentários

  1. Avatar
    Maicon Suavi setembro 30, 2016

    Só tenho pena do menino de camiseta vermelha… perdendo seu tempo com superstições. Poderia estar estudando, brincando ou fazendo qualquer outra coisa útil…

  2. Avatar
    Filhos de Salem setembro 30, 2016

    Cerco de Jericó é tipo uma Egregora pedindo proteção. Para o quê nesse caso?
    Uma prática medieval, que a Igreja Católica tanto perseguia, se encontra-se pessoas orando/reunidas em uma floresta saudando o UNIVERSO!

    Se for pro bem, eu apoio.
    Mas que é uma dualidade isso é: prática que a fora condenada no passado hoje é creditada para os mesmos algozes, ora católicos.

    #Evolução

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *