Com arbitragem FIFA, Los Bandoleiros é campeão do Amador de Botuverá

Héber Roberto Lopes foi o 'moço do apito' no confronto que gerou o bicampeonato da equipe azul e branca

bandoleiros

A grande final do Campeonato Municipal de Futebol Amador de Botuverá foi recheada de elementos que engrandeceram o título da equipe Los Bandoleiros. Nada menos do que o árbitro FIFA Héber Roberto Lopes, o único brasileiro escalado para apitar a Copa América Centenário, comandou a decisão.

Em campo, o que se viu foi um jogo leal e equilibrado que, para dar um clima ainda mais dramático, precisou ser disputado nos pênaltis: 2 a 1 no tempo normal para o Figueira – o jogo de ida havia terminado em 1 a 0 para o Bandoleiros – e 3 a 2 nas penalidades, para a alegria da equipe azul e branca que sagrou-se bicampeã.

As finais

HEBER ROBERTO

A competição envolveu sete equipes, mas com elencos entrosados já há alguns anos, Figueira e Los Bandoleiros chegaram na grande decisão, disputada em duas partidas. No primeiro jogo, o Figueira teve mais posse de bola, mas não transformou isso em gol e foi punido: 1 a 0 para a equipe azul e branca, após a marcação de um pênalti.

A segunda partida começou ainda mais favorável aos Bandoleiros, quando Nandinho marcou o gol mais bonito do campeonato. Ele atravessou o campo com a bola, driblou três marcadores e mandou para as redes. Na sequência, os adversários empataram com gol de Oberdan. Aos 43 do segundo tempo, o Figueira virou o placar com Paulo Medeiros, em chute que desviou em Leonardo e morreu lá dentro. Nos penais, o 3 a 2 foi favorável ao time azul e branco.

Simpatia no apito

O diretor de esportes de Botuverá, Elizandro da Cruz, afirmou que a presença de Héber Roberto Lopes abrilhantou o evento. “Não houve nenhuma reclamação, tanto na torcida quanto dentro de campo. Todos respeitaram muito, porque ele realizou um belo trabalho”, completa.

Lopes recebeu elogios não só profissionalmente, mas também pelo atendimento aos espectadores e jogadores. “Quem vê ele na televisão, não imagina como é de verdade. Uma pessoa muito simples e simpática, que atendeu a todos, tirou fotos, sorteou a roupa utilizada na partida e ainda nos doou uma camisa da Copa América para sortear”, diz Cruz.

A competição foi uma realização da Secretaria de Esportes, com apoio da Secretaria de Saúde e Polícia Militar.

Sem Comentários

Sem Comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar esta notícia.

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *