Com lideranças de todo o mundo, celebração abre oficialmente o Concílio da Igreja Luterana

Evento segue até domingo, 23, e reúne cerca de 200 participantes na paróquia Bom Pastor

luteranos 1 (Copy)
Celebração ocorreu na noite de ontem -
Crédito: Bárbara Sales

A comunidade luterana realizou na noite de ontem, a abertura do 30º Concílio da Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil (IECLB), em Brusque. O evento segue até domingo, 23, na paróquia Bom Pastor e reúne cerca de 200 lideranças religiosas do Brasil e do mundo para dialogar e deliberar sobre questões básicas da vida comunitária, confessionalidade, estrutura e missão.

O concílio é realizado a cada dois anos, sempre em uma comunidade diferente da IECLB. Brusque recebe o evento pela segunda vez em quase 30 anos. O pastor presidente da IECLB, pastor doutor Nestor Paulo Friedrich, afirma que Brusque foi escolhida para sediar o evento por ser um sínodo (diocese) importante dentro da IECLB em termos de representatividade, já que carrega uma bonita história.

Evento tem como objetivo discutir o futuro da igreja luterana / Foto: Bárbara Sales

Evento tem como objetivo discutir o futuro da igreja luterana / Foto: Bárbara Sales

Neste ano, o tema do concílio é “Por uma Igreja Missional. Agora são outros 500”. “É o momento de olharmos com gratidão para a nossa história, mas também planejar o futuro”, diz o pastor presidente.

De acordo com ele, o concílio trabalhará em cima de três afirmações: a salvação, a humanidade e a natureza não estão à venda. “São inegociáveis. São presentes que Deus nos dá e que devemos cuidar com muito zelo”.

O pastor sinodal do sínodo Vale do Itajaí, Breno Willrich, destaca que é uma alegria e também uma grande responsabilidade poder receber o evento. “Nestes dias, teremos a missão de organizar a igreja. Que tudo corra bem e que possamos realizar um belo evento”.

Participam do concílio, líderes de 18 sínodos (dioceses) do país. Além de discutir questões importantes da igreja luterana, o concílio tem a função de eleger o presidente da IECLB, o 1º e o 2º vice-presidentes do concílio da igreja, além do pastor presidente e dos pastores 1º e 2º vices-presidentes da IECLB.

Comunidade tem papel importante

O pastor da paróquia Bom Pastor, Claudio Schefer, destaca que a comunidade oferece toda a estrutura para que o concílio aconteça da melhor forma. Tudo o que envolve a logística do evento é responsabilidade dos grupos formados por pessoas da comunidade brusquense. “A paróquia organiza e toda a comunidade se propõem a contribuir. Temos um grande número de voluntários que nos dão todo o suporte para que tudo possa acontecer com brilho”.

Sem Comentários

Sem Comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar esta notícia.

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *