Comitiva de Brusque esclarece alterações nas regras do Minha Casa Minha Vida, em Brasília

Secretária nacional de Habitação recebeu o prefeito Bóca Cunha, o vereador Jean Pirola e deputados catarinenses

prefeito brasilia
-
Crédito: Prefeitura de Brusque/Divulgação

O prefeito de Brusque, José Luiz Cunha, e o vereador Jean Pirola, participaram na manhã desta quinta-feira, 10, de uma reunião com a secretária nacional de Habitação, do Ministério das Cidades, Maria Henriqueta Alves, em Brasília. Estiveram presentes também os deputados federais Esperidião Amin e Rogério Peninha Mendonça.

Durante o encontro foram tratados assuntos referentes ao programa Minha Casa Minha Vida, especialmente sobre a Portaria 539, que altera algumas regras para o financiamento de imóveis pelo programa.

“A secretária nos garantiu que construções que já possuem Habite-se terão prazo de 180 dias para financiamento e as que estão em andamento terão prazo até 31 de dezembro de 2017″, explica Pirola. “Quanto aos demais pontos, como a frente do imóvel possuir cinco metros e as construções em ruas não pavimentadas serão debatidos com a Caixa Econômica, no dia 22 de novembro”, completa.

Durante a reunião, o deputado Esperidião Amin sugeriu que o valor de avaliação dos imóveis seja feita pelas centrais da Caixa Econômica em cada cidade, determinado pelo valor venal do imóvel em sua região. A proposta será rediscutida no encontro marcado para o dia 22 de novembro.

“Brusque possui atualmente cerca de 500 imóveis prontos ou em construção, que podem ser financiados pelo programa Minha Casa Minha Vida. As mudanças do ministério poderiam influenciar em uma diminuição de no mínimo R$ 80 milhões no valor total dos imóveis comercializados pelo programa e por isso até mesmo gerar desemprego”, pontua o vereador.

“Saímos muito contentes do encontro. Podemos esclarecer alguns pontos das novas regras do programa Minha Casa Minha Vida e colocar em pauta as reivindicações da construção civil, que é responsável por significativa geração de emprego e renda em nosso município”, ressalta o prefeito.

Ainda durante a quinta-feira, no Ministério das Cidades, os brusquenses trataram sobre o repasse para elaboração de projeto para estabilização de encostas, PAC Drenagem Urbana e duplicação da rodovia Antônio Heil. Já no Ministério do Turismo, o prefeito falou sobre a viabilização dos repasses para continuidade dos serviços da Praça do Bairro Azambuja. E por meio do FNDE foram tratadas a construção de quadra escolar coberta da Escola de Ensino Fundamental (EEF) Ayres Gevaerd, além da cobertura de quadra escolar da EEF Alberto Pretti.

1 Comentário

  1. Avatar
    Frajola novembro 10, 2016

    Eu acho que vi uns Progressistas.
    - Eu vi sim! Um monteeeee…
    Who´s Bad?

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *