Duas pessoas são flagradas distribuindo materiais de campanha, em Brusque

Polícia Militar confeccionou termos circunstanciados e liberou os acusados

Dois homens responderão a termos circunstanciados, confeccionados pela Polícia Militar, por infrações cometidas durante as eleições deste domingo, 2.

Os documentos, lavrados em infrações de menor gravidade, serão encaminhados para análise da Justiça Eleitoral.

No primeiro caso, ainda pela manhã, um candidato a vereador foi flagrado fazendo boca de urna em frente à escola João Hassmann, no bairro Guarani, após denúncia de fiscal de partido.

Já à tarde, o parente de um candidato a vereador foi acusado de distribuir material de campanha no bairro Limeira.

Foto com a urna

Um fato atípico ocorreu na seção 038, na escola Dom João Becker, no Jardim Maluche. Uma eleitora foi flagrada fazendo foto com o celular enquanto estava na urna.

Ela foi repreendida e os responsáveis pela seção, que fizeram um boletim de ocorrência, já que é proibido fazer foto durante a votação. O nome da eleitora não foi divulgado.

Sem Comentários

Sem Comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar esta notícia.

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *