Foz do Iguaçu é o 3º destino do projeto Rotas do Itajaí

Viagem-técnica do curso de Administração da UNIFEBE será realizada no mês de dezembro

Viagem será realizada de 3 a 6 de dezembro

Suellen Pereira Rodrigues

Brusque

 

Famosa por suas cataratas, hidrelétrica, parques ou pela tríplice fronteira – Brasil, Paraguai e Argentina – Foz do Iguaçu atrai anualmente milhares de turistas nacionais e internacionais.

Por isso, a cidade foi escolhida como o terceiro destino do projeto “Rotas do Itajaí – Aprendendo com as melhores experiências em turismo”, promovido pelo curso de Administração do Centro Universitário de Brusque – UNIFEBE.

De 3 a 6 de dezembro, os integrantes do projeto visitarão os principais atrativos turísticos da cidade em busca das melhores práticas de turismo e atendimento que possam ser implementadas na região de Brusque.

A viagem de estudos também inclui visitas ao Parque das Aves, ao Parque Nacional das Cataratas e uma visita Especial à Hidrelétrica de Itaipu. Simultaneamente, serão realizadas visitas técnicas organizadas pelo curso de Administração à sede da empresa Cooperativa Agroindustrial LAR, em Matelândia e Mascarello Ônibus, em Cascavel.

Segundo o coordenador de Administração Sidnei Gripa, o curso busca preparar seus acadêmicos para o mercado profissional, sempre oferecendo opções para que seus acadêmicos conheçam na prática o que a teoria apresenta.

“Além do forte potencial turístico do local, a região abriga grandes empresas que abrirão suas portas durante as visitas técnicas com foco na produção. Essa é mais uma forma de expandir o conhecimento da sala de aula”, explica Gripa.

Edições Anteriores

Iniciado em 2014, a primeira viagem do projeto “Rotas do Itajaí” teve como destino o Rio Grande do Sul. Foram visitadas as cidades de Gramado, Bento Gonçalves, Nova Petrópolis e Canela. A segunda edição do projeto, realizada em junho de 2016, teve como destino o Rio de Janeiro. Além da capital carioca, o projeto também passou por Petrópolis.

Sem Comentários

Sem Comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar esta notícia.

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *