Jogos Escolares de Brusque 2016 dão início com a participação de cerca de 2,5 mil estudantes

Competição que já contou com Murilo Fischer, atleta olímpico, e Soelito Gohr, paralímpico, terá 30 unidades escolares competindo

JEBS 1
Giordan Vilamoski, campeão municipal em três modalidades, foi responsável por acender a pira -
Crédito: Bruna Beuting/Prefeitura de Brusque

Todo grande atleta teve um começo, incentivado, na maioria das vezes, dentro da escola. Os Jogos Escolares de Brusque (Jebs), que realiza um grande encontro dos ‘alunos atletas’ do município, já foram o start de dois atletas que defenderam o Brasil na Olimpíada e na Paralimpíada, Murilo Fischer e Soelito Gohr, respectivamente.

Empurrados pelo espírito da maior competição mundial, cerca de 2,5 mil estudantes de 30 unidades escolares públicas e particulares de Brusque começaram mais uma edição dos Jebs na manhã de ontem, no Complexo Esportivo do Sesi. O evento dará aos campeões de cada uma das sete modalidades a oportunidade de defender o município na etapa microrregional dos Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc), abrangendo as categorias Mirim, com idade de 11 a 13 anos, e Infantil com idade de 14 a 16. A competição irá até o próximo dia 26.

Competição tem a participação de 30 unidades escolares entre públicas e particulares. / Foto: Bruna Beuting/Prefeitura de Brusque

Competição tem a participação de 30 unidades escolares entre públicas e particulares. / Foto: Bruna Beuting/Prefeitura de Brusque

Cerimônia de abertura

A competição teve cerimônia de abertura nos moldes dos Jogos Olímpicos, com acendimento de pira pelas mãos de um atleta de destaque. Giordan Vilamoski, campeão municipal nas modalidades de xadrez, futebol e handebol foi o responsável por carregar a tocha.

Antes disso ainda, Delmar Tondolo, dirigente da Fundação Municipal de Esportes (FME), falou sobre a importância do evento. “Daqui saíram grandes campeões, e podem surgir muitos mais. Que o espírito esportivo nos traga seus valores mais importantes, como a saúde e a educação. Temos que ser destaque na nossa família, na nossa comunidade e nos jogos escolares”.

A secretaria de Educação, Gleusa Fischer, afirmou que o município respira o esporte e o momento dos Jebs não poderia ser mais propício. “No último sábado tivemos a grande alegria de ter um brusquense medalhista de bronze na Paralimpíada, o Matheus Rheine. Que sirva de inspiração para os nossos jogos aqui”, diz.

Provas do atletismo terminam na manhã de hoje / Foto: Bruna Beuting/Prefeitura de Brusque

Provas do atletismo terminam na manhã desta terça-feira. 13 / Foto: Bruna Beuting/Prefeitura de Brusque

O diretor da FME, Ricardo Knabben, afirmou que as inscrições foram um sucesso e a expectativa é a melhor possível. “Em todas as modalidades tivemos um número ainda maior de participantes do que o esperado. Existe um trabalho muito sério dentro das unidades escolares com o esporte, que conta, com atletas que disputam torneio paralelos, e isso deixa a competição ainda mais acirrada”, diz.

Clima esportivo

Assim que os jogos foram declarados abertos, os estudantes começaram a respirar o esporte escolar com as primeira provas de atletismo. Nos gramados do lado de fora da pista, as unidades escolares se agruparam em tendas – uma Vila Olímpica toda particular. Esperançosos, os professores de educação física responsáveis por cada uma das escolas passavam instruções aos seus alunos, em busca de medalhas.

A oportunidade de praticar modalidades diferentes e conhecer estudantes de outras escolas criou um bom clima nos campos do Sesi. A aluna da Escola Georgina da Luz, Kathleen Nigg, é apaixonada pelo atletismo. Com 13 anos completados nessa semana, ela já subiu ao pódio dos Jebs em edições passadas, ficando com uma medalha de bronze. “Sempre gostei muito de correr e não ia perder essa oportunidade. Sonho um dia em ser uma atleta profissional”, diz a competidora que representa a escola do bairro São Pedro nas provas de 300 m, salto e revezamento 4 x 75.

As modalidades

Os Jebs contemplam sete modalidades, todas disputadas por alunos e alunas. Na manhã de ontem, provas de atletismo foram competidas, encerrando o esporte nesta manhã. Amanhã será a vez do basquetebol Mirim feminino, no Colégio São Luiz. O futsal Infantil masculino será praticado na Arena Brusque, assim como o Mirim Masculino será no ginásio do bairro São Luiz.

A quinta será marcada pelo início da disputa no voleibol masculino, com jogos no Colégio Cônsul. Na sexta haverá xadrez e tênis de mesa, além da continuação do futsal. O handebol tem início na próxima segunda, enquanto o basquetebol será no dia seguinte.

Sem Comentários

Sem Comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar esta notícia.

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *