Sessão da Câmara de Vereadores de Brusque é marcada por homenagens à Chapecoense

Vestido com a camisa da equipe, vereador André Rezini se emocionou durante seu pronunciamento

CAMARA (Copy)
André Rezini homenageou a Chapecoense -
Crédito: Bárbara Sales

A tragédia com a equipe da Chapecoense que chocou o mundo nesta terça-feira, 29, também teve destaque na sessão da Câmara de Vereadores de Brusque. Antes do início da sessão, foi feito um minuto de silêncio como forma de homenagem às vítimas do acidente: atletas, diretores e comissão técnica do time e jornalistas.

O vereador Ivan Martins (PSD) lamentou a tragédia. “Há anos não víamos uma tragédia como essa dentro do esporte. A equipe estava crescendo de forma gradual até chegar à fase final de uma competição internacional. Foram jovens ceifados prematuramente, só nos resta pedir para que o grande arquiteto do universo conforte as famílias enlutadas”.

A vereadora Marli Leandro (PT) também falou sobre o assunto. “Quero deixar as condolências e sentimentos a todos os familiares das vítimas desse trágico acidente. É um momento muito triste para o futebol, para o esporte catarinense e brasileiro”.

Vestido com a camisa da Chapecoense, o vereador André Rezini (PPS) dedicou seu tempo na tribuna para homenagear a equipe do Oeste. “O futebol move paixões, cidades inteiras e hoje vimos que também une. Infelizmente, vimos isso em cima de uma tragédia”, disse.

Rezini, que é conselheiro do Brusque Futebol Clube, tinha um contato muito próximo com grande parte das vítimas da tragédia. “Tinha uma relação muito boa, uma amizade com muitos atletas da Chapecoense. Ontem, conversei por WhatsApp com o presidente do clube, que também estava no voo”.

Ele tentou ler uma nota divulgada pelo Bruscão, lamentando a tragédia, no entanto, a emoção foi mais forte e não conseguiu. O vereador Valmir Ludvig (PT) o ajudou a terminar o comunicado. “O esporte mundial está de luto. Tenho certeza que eles darão a volta por cima”, destacou Rezini, que finalizou seu tempo com um vídeo da defesa do goleiro Danilo contra o San Lorenzo, no jogo que deu a vaga para a equipe do Oeste na final da Copa Sul-Americana.

Denúncia contra vereador

O corregedor da Câmara de Vereadores, Moacir Giraldi (DEM), acatou a denúncia de um morador de Brusque contra o vereador Joaquim Costa, o Manico (PMDB), por improbidade administrativa e peculato, e encaminhou o processo para a investigação da Comissão Parlamentar de Ética e Decoro.

Segundo a denúncia, Manico, enquanto diretor da Secretaria de Obras, teria usado maquinário da Prefeitura de Brusque para executar obras no terreno de um compadre. Em sua denúncia, o morador anexou fotos do caso e também cópia de um e-mail que teria enviado ao secretário de Obras para informar o caso. A denúncia também foi encaminhada ao Ministério Público de Santa Catarina (MP-SC).

Foram eleitos para integrar a comissão os vereadores Dejair Machado (PSD), Valmir Ludvig (PT), Marli Leandro (PT), Guilherme Marchewsky (PMDB) e Celso Emydio (DEM).

Sem Comentários

Sem Comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar esta notícia.

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *