Vereadores tomam posse e novo presidente da Câmara de Guabiruba é eleito

Chapa de Cristiano Kormann foi escolhida em votação nominal

IMG_1548 (Copy)
Os nove vereadores eleitos para a 14ª legislatura da Câmara de Guabiruba -
Crédito: Marcos Borges

Em sessão solene realizada no dia 1º de janeiro, os nove vereadores foram empossados para a 14ª legislatura da Câmara de Guabiruba, de 2017-2020. Além disso, a nova mesa diretora foi eleita para os próximos dois anos.

Confira mais fotos da sessão solene de posse do prefeito, vice e vereadores de Guabiruba

Os vereadores assinaram o documento da Justiça Eleitoral e já assumiram suas cadeiras no legislativo. A sessão solene foi presidida pela vereadora Rosita Kohler, a parlamentar mais velha, conforme determina a Lei Orgânica do Município.

Felipe Eilert dos Santos (PT), reeleito, discursou em nome dos parlamentares reeleitos. “Um novo ciclo se inicia e é um momento que serve para a gente projetar e traçar objetivos”, declarou.

O petista, que era o presidente da Câmara até o fim de 2016, destacou o fim do voto secreto na eleição da mesa diretora e outras medidas de aproximação com a sociedade e transparência. “Que a Câmara continue sendo a caixa de ressonância do sentimento do guabirubense”.

Nova mesa

Passadas as formalidades de posse, a sessão solene foi suspensa por 30 minutos para uma reunião entre os vereadores. Nesta meia hora, os parlamentares discutiram em quem votariam para a presidência do Legislativo municipal.

A chapa que tem Cristiano Kormann para presidente foi a vencedora, como já era esperado. Além dele, assumiram: Waldemiro Dalbosco (PP), como vice; Paulo Gums (PP), como primeiro-secretário; e Felipe Eilert dos Santos, como segundo-secretário.

A chapa derrotada tinha como candidato a presidente Jaime Nuss (PMDB).  Segundo Kormann, foi oferecido à oposição a composição de uma chapa mista e única, mas não houve acordo.

As comissões ainda não foram discutidas entre os partidos, mas, de acordo com o novo presidente, a oposição terá espaço, como já é tradição na Câmara de Guabiruba.

Kormann, que será presidente até o fim de 2018, terá o poder de escolher quais projetos serão votados nas sessões. Da base governista, o vereador afirmou, depois de eleito, que o maior desafio da sua gestão será continuar a aproximação com a comunidade.

“É um desafio porque a Câmara, nos últimos anos, passa por um processo de limpar a imagem dos políticos”, declarou. Kormann pretende aperfeiçoar o projeto da Câmara itinerantes nos bairros.

Sem Comentários

Sem Comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar esta notícia.

Deixe uma resposta

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *